CI dia

Aconteceu durante a viagem de volta do nosso primeiro fim de semana juntos. Luca dirigia, as dorsais lindas e coloridas dos Apeninos impressas nos nossos olhares. Eu não queria voltar para casa, aquela casa pequenina, onde eu morava sozinha. Queria já ficar com ele por todo o tempo, toda a eternidade, se possível.

E daí ele me perguntou -Quer comer alguma coisa, antes de voltar? Gostaria te monstrar um lugar, Amatrice, a cidade onde foi inventada a “pasta all’amatriciana”. 

Aceitei sem pensar. Naquela pergunta, percebi o seu desejo, convivido, de rubar ao tempo uma outra hora pra ficar comigo. 

Hoje, acordei e descubri que a cidade de Amatrice não existe mais, que está destruida pelo terrível terremoto que atingiu a Itália. Não tem uma explicação por isso. Só uma grande dor e o pequeno conforto da  minha lembrança, de um agosto de alguns anos atrás, onde a destruição, a morte e a tragedia ficavam longe e imprevisíveis pelo meu coração que agora chora.

Advertisements

2 comments

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s