LXIV dia

Acontece de repente, quando nem imagino que possa acontecer. Começa devagar, fraco e depois mais forte. É uma forma de dor aue não é facil ignorar. Então, esquivo-me de mim mesma; faço como se essa dor não fosse a minha. Ignoro a realidade e, com a fantasia, volto a ser criança, naquela idade onde a única preocupação era como ou com o que brincar. E assim a minha alma aquiesce um pouco.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

w

Connecting to %s